Le spectre rouge - The Red Spectre - Segundo de Chomón - 1907

 
Durante o início do século XX foram produzidas centenas de filmes curta-metragem que usavam truques de mágica "aumentados" com os recursos da nova arte que então surgia. A França era a capital da atividade cinematográfica.

Georges Méliès é o grande desbravador desses filmes, mas Le spectre rouge foi produzido no estúdio Pathé, através da colaboração entre Ferdinand Zecca e Segundo De Chomón – que também trabalharam com Méliès.




A ação dura apenas 9 minutos e quando acaba você se sente como se tivesse visitado outro mundo. As imagens coloridas à mão produzem um efeito muito interessante.

A impressão em cores foi descoberta jogada em um quintal no México e comprada por U$ 25,00.

Tem como cenário uma gruta onde está uma espécie de mago demoníaco que brinca com as almas de várias mulheres.




Ele as faz levitar, explodirem em chamas, coloca as cinzas em garrafas, as traz de volta à vida em miniatura, etc, mas em dado momento o mago se defronta com uma fada.

A história é meio difícil de seguir, mas o conflito central é uma luta entre as forças do bem e do mal.



Alguns efeitos são realmente notáveis. O primeiro é quando o mago coloca em garrafas de vidro mulheres em miniatura e as leva para frente do palco permitindo um close. O outro é a representação de um dispositivo muito parecido com televisão - sugerido por telas onde o mago assiste uma série de imagens em movimento.

Aqui está um verdadeiro marco cinematográfico: um filme que prevê a vinda da TV e atribui sua invenção a um demônio.



Assistir Le spectre rouge - The Red Spectre - on line




2 comentários:

  1. Surreal mesmo... É algo extraordinário, ainda mais considerando o período! ;D

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...