Cinderella - Mary Pickford - James Kirkwood - 1914

Filme de 1914 baseado no conto de fadas de Charles Perrault estrelado por Mary Pickford e dirigido por James Kirkwood.

Cinderella é uma jovem que vive com a madrasta e suas filhas. Ela é tratada como empregada e acha que está completamente sozinha no mundo, mas não sabe uma fada madrinha está constantemente a ajudá-la.

Ao buscar madeira na floresta ela encontra o Príncipe e eles imediatamente se apaixonam mas perdem o contato.

 
Um baile é organizado pelo príncipe para achar sua futura esposa. As irmãs acham que tem chance de serem escolhidas pelo príncipe. Cinderella quer ir também mas é proibida por sua família.

Todas, menos Cinderella, saem para o baile. A fada madrinha aparece e pergunta se ela quer ir também. A fada madrinha transforma uma abóbora em carruagem e os ratinhos em cavalos e servos.

E finalmente transforma o traje pobre de Cinderella em um vestido adequado para uma princesa. A fada então avisa que ela terá de estar de volta em casa antes de o relógio bater meia-noite. Caso contrário, seu vestido vai se transformar em farrapos e a carruagem, os cavalos e os servos retornarão ao que eram antes.

 
Quando Cinderella chega à festa é anunciada como uma senhora desconhecida. O Príncipe imediatamente escolhe-a. Cinderella percebe que é quase meia-noite e sai correndo mas perde seu sapato.

No dia seguinte, os arautos anunciam que o Príncipe iria se casar com a mulher cujo pé se encaixasse no sapatinho de cristal. As irmãs vão ao palácio enquanto Cinderela é mais uma vez forçada a ficar em casa. Cada mulher da cidade tentou mas não conseguiu usar os sapatos, com exceção de Cinderella.

O Príncipe fica chocado quando descobre que ela é uma empregada mas não vira as costas para ela, e a convida para experimentar o sapato. Quando isso acontece ela é anunciada como a futura princesa.

Os arautos dão-lhe a oportunidade de decapitar as irmãs mas ela recusa.

Na cena final, a fada madrinha aparece e abençoa Cinderella e o Príncipe que viveram felizes para sempre.



Gladys Marie Smith, nome artístico Mary Pickford, nasceu em Toronto no Canadá em 8 de abril de 1892 e faleceu em Santa Mônica, EUA, em 29 de maio de 1979.

Foi atriz e fundadora da United Artists Corporation, juntamente com Charlie Chaplin, D. W. Griffith e Douglas Fairbanks.

Com 5 anos já encenava pequenos papéis. Adolescente foi para a Broadway e logo começou a ter papéis maiores com seu talento para a comédia.

 

Tinha 16 anos quando conheceu D. W. Griffith que lhe deu seu primeiro papel no cinema. As personagens de Mary eram crianças ou adolescentes e a atriz logo transformou-se na “Namoradinha da América”.

Deixou as telas aos 40 anos, em 1933, como uma das mais bem-sucedidas empreendedoras do cinema. Fez mais de 200 filmes, a maior parte deles ainda no cinema mudo. 

Foi casada três vezes. Com o ator Owen Moore, depois com o ator Douglas Fairbanks e seu terceiro casamento, com o músico e ator Buddy Rogers.



Em consideração a suas contribuições ao cinema americano, o American Film Institute nomeou Pickford entre as maiores estrelas de todos os tempos.

Em Pickfair – nome de sua mansão - havia uma pintura feita no auge de sua fama que hoje se encontra na Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos.

Elenco e mais informações no IMDb.





Assistir Cinderella - Mary Pickford - on line


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...